Montes Claros está na 67º colocação do ranking nacional de empreendedorismo

A Escola Nacional de Administração Pública (Enap), instituição vinculada ao Ministério da Economia, e a Endeavor, que é uma organização global que incentiva o empreendedorismo, confeccionaram um estudo que recebeu o nome de “Índice de Cidades Empreendedoras” e que foi divulgado na última quinta-feira, 28 de janeiro. O estudo se baseia em dados de 2020 e mostra Montes Claros na 67º colocação, entre as 100 cidades mais populosas do Brasil.

O “Índice de Cidades Empreendedoras” tem o intuito de analisar o ambiente de negócios das 100 cidades brasileiras mais populosas, para mostrar aquelas que oferecem as condições mais propícias para o desenvolvimento de empreendimentos. O estudo ainda aponta os aspectos a serem desenvolvidos e como esSes municípios podem criar melhores condições para o desenvolvimento do empreendedorismo.

Além de Montes Claros, sete municípios mineiros aparecem no ranking da pesquisa produzida pela parceria Enap/Endeavor: Belo Horizonte (14º lugar), Uberlândia (30º), Betim (48º), Uberaba (49º), Contagem (50º), Juiz de Fora (78º) e Ribeirão das Neves (91º).

Entre os critérios/categorias que foram analisados estão “Infraestrutura” (que avalia transportes e condições urbanas, entre outros aspectos), “Mercado” (desenvolvimento econômico, clientes potenciais), “Acesso ao capital” (operações de crédito), “Inovação” (número de profissionais de ciência e tecnologia, número de patentes registradas), “Ambiente regulatório” (tempo de processos para abertura de empresas, tributação municipal), “Capital humano” (acesso a mão de obra qualificada) e “Cultura empreendedora” (probabilidade de abertura de empresas).

Além da nota geral, os municípios ainda foram classificados em relação a cada categoria. Montes Claros teve maior destaque em: “Capital humano” (39ª posição), “Ambiente regulatório” (60ª colocação) e “Mercado” (64ª). Foram analisados dados públicos e governamentais consolidados, como o produto interno bruto de cada município, e coletadas informações de diversas entidades, como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), entre outros.

Via Ascom/Prefeitura Montes Claros

Leave a Comment