Com o aumento da gasolina, você é o pato!

     - O ilegítimo torrou R$ 15 bilhões em emendas parlamentares (comprou a Câmara) para não ser afastado por corrupção passiva.  O aumento de R$ 0,40 por litro de gasolina com o aumento de impostos de Michel Temer pretende arrecadar R$ 10 bilhões.O...

    Temer aumenta imposto, enquanto compra deputados

     - Falando nisso, onde andam os paneleiros? Continuam dormindo em berço esplêndido? -  - A colunista Eliane Cantanhêde, do Estado de S. Paulo, criticou nesta sexta-feira, 21, o aumento de impostos determinado por Michel Temer para tentar reduzir o...

    Títulos falsos: cidade foi multada em R$ 22 milhões

     - Montes Claros foi penalizada pelos precatórios que foram negociados com empresa em nome de servidores fantasmas, na gestão de Luiz Tadeu Leite -  - Por causa desta fraude em licitações para aquisição de precatórios falsos, o ex-prefeito Luiz Tadeu...

    Marcos Valério irá dedurar Aécio e Azeredo

     - Publicitário  fecha acordo de delação com a Polícia Federal - Transferência de Valério da Nelson Hungria para a Apac de Sete Lagoas, ocorrida no início da semana, já indicava que as negociações já estavam bem adiantadas - O empresário Marcos...

    Multa ambiental é transformada em Ecopista

     - Prefeitura de Montes Claros inaugurou ecopista no Parque Municipal Milton Prates e anunciou novos investimentos na área ambiental -  A Prefeitura de Montes inaugurou, no último domingo, 16, a ecopista com um quilômetro de extensão construída no...

    separador 1

    Notícias locais

     - Montes Claros foi penalizada pelos precatórios que foram negociados com empresa em nome de servidores fantasmas, na gestão de Luiz Tadeu Leite -  - Por causa desta fraude em licitações para...
     - Prefeitura de Montes Claros inaugurou ecopista no Parque Municipal Milton Prates e anunciou novos investimentos na área ambiental -  A Prefeitura de Montes inaugurou, no último domingo, 16, a...
    Mais emNotícias Locais  

    Notícias regionais

     - Publicitário  fecha acordo de delação com a Polícia Federal - Transferência de Valério da Nelson Hungria para a Apac de Sete Lagoas, ocorrida no início da semana, já indicava que as negociações já...
     - Em MG, atingidos exigem demarcação de terras devolutas na Assembléia Legislativa -  Cerca de 100 atingidos das comunidades tradicionais geraizeiras participaram na manhã dessa quarta-feira (12) de...

    Notícias nacionais

     - O ilegítimo torrou R$ 15 bilhões em emendas parlamentares (comprou a Câmara) para não ser afastado por corrupção passiva.  O aumento de R$ 0,40 por litro de gasolina com o aumento de impostos de...
     - Falando nisso, onde andam os paneleiros? Continuam dormindo em berço esplêndido? -  - A colunista Eliane Cantanhêde, do Estado de S. Paulo, criticou nesta sexta-feira, 21, o aumento de impostos...

    separador 1

    Mundo

    Thumbnail  - NOBEL DA PAZ CONDENA GOLPE JUDICIAL CONTRA A DEMOCRACIA BRASILEIRA -   O ativista argentino Adolfo Perez Esquivel, Nobel da Paz em 1980, classificou a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da...
    Mais emMundo  

    Esportes

    Thumbnail  Visto por dirigentes como pessoa perigosa, goleiro revive o trauma dos ataques racistas.  Quando ainda era goleiro do Santos, em 2014, Mário Lúcio Duarte Costa, o Aranha, foi chamado de “macaco” por...
    Mais emEsportes  

    Segurança Pública

    Thumbnail  - O jurista Wálter Maierovitch comparou o juiz Sergio Moro ao magistrado italiano anti-máfia Paollo Borsellino, em comentário na rádio CBN, da Globo, nesta quarta-feira 19, aniversário de morte de...

     

    separador blogosfera

    RUSSA CRITICA TRAPALHADA DE TEMER NO G20

     

    A Sputnik Brasil entrevistou com exclusividade, o cientista Político e professor do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal de Juiz de Fora,  - Raul Magalhães. O especialista chamou de desastrada a declaração de Temer de que não há crise econômica no Brasil. "[A declaração] poderia ter funcionado se ele tivesse dito que estamos recuperando em alguns níveis, como a queda da inflação, uma recuperação da atividade industrial… Mas a reação de que não existe crise econômica no quadro recessivo que está instalado pareceu uma reação destemperada", avalia o professor -

      Da Agência Sputinik

    O presidente Michel Temer desembarcou nesta sexta-feira (7) em Hamburgo, na Alemanha para participar da reunião hoje (7) e amanhã (8) da cúpula do G20, grupo que reúne as 20 maiores potências mundiais.

    Diante da crise política no Brasil, Temer chegou a anunciar que não viajaria mais para a Alemanha, mas, na última hora, mudou de ideia após ouvir seus ministros, especialmente o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que destacou que a ausência de Temer na reunião poderia ser interpretado pelos investidores internacionais como um sinal de fraqueza do governo federal.


    Ao chegar no hotel nesta sexta-feira (7) onde está hospedado Temer conversou rapidamente com a imprensa e a ser questionado sobre a situação do Brasil no G20 diante da crise política e econômica no país, o presidente afirmou surpreendendo os jornalistas, que não há crise econômica no Brasil.
    "Não, pode levantar os dados e você verá que nós estamos crescendo empregos, estamos crescendo indústria, estamos crescendo agronegócio. Lá não existe crise econômica”, afirmou o Presidente.

    Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil tem ainda 13,8 milhões de desempregados e que no trimestre março, abril e maio o desemprego ficou em 13,3% conforme a pesquisa PNAD Contínua, mesmo com o Ministério do Trabalho tendo anunciado no mês passado que, em maio, a abertura de vagas formais de emprego superou as demissões em 34,2 mil postos, sendo o segundo mês seguido em que houve criação de postos de trabalho com carteira assinada no país. A Confederação Nacional da Indústria também afirma que a estimativa de crescimento industrial caiu de 1,3% para 0,5%.

    A Sputnik Brasil entrevistou com exclusividade, o cientista Político e professor do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal de Juiz de Fora, Raul Magalhães. O especialista chamou de desastrada a declaração de Temer de que não há crise econômica no Brasil.

    "[A declaração] poderia ter funcionado se ele tivesse dito que estamos recuperando em alguns níveis, como a queda da inflação, uma recuperação da atividade industrial… Mas a reação de que não existe crise econômica no quadro recessivo que está instalado pareceu uma reação destemperada", avalia o professor.


    Para Magalhães, a fala é uma estratégia do presidente em passar uma imagem mais enérgica diante dos problemas da gestão. Porém, o professor avalia que a fala produziu um debate ainda maior sobre a dissintonia do governo com o quadro que busca remediar.
    "O governo Temer colheu alguns resultados positivos na gestão da economia, mas daí a dizer que a superação do quadro está instalada não coincide com a opinião dos economistas. E para os 13 milhões de desempregados não adianta dizer que a coisa está melhorando, a percepção subjetiva não é de uma crise superada. A propaganda é inadequada e dificilmente convence investidores externos que são muito bem informados sobre o que acontece internamente no Brasil", afirma o especialista.

    A Cúpula do G20, organizada neste ano na Alemanha, termina amanhã.

    Brasil 247

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper