A+ R A-
 
Alunos ficam sem merenda por causa de falta de gás em Montes ClarosProblema está ocorrendo na Escola Municipal Vidinha Pires. Alunos do 'Tempo Integral' estão sendo prejudicados, dizem pais. Do G1 Grande MinasPais de alunos matriculados no...
 
 
A ameaça à liberdade de imprensa Doutrinariamente, a imprensa é vista como o instrumento de defesa da sociedade contra os esbirros do poder, seja ele o Executivo, outro poder institucional ou econômico. Não se exija dos grupos de mídia a...
 
 
Prefeito fecha negócio milionário para construir outra sede da Prefeitura Mesmo sem nenhuma necessidade, a futura sede administrativa da Prefeitura de Montes Claros, que pretende concentrar a prestação de serviços no mesmo espaço - imitando...
 
 
Médicos ‘fantasmas’ são indiciados no Paraná. Nenhum é cubanoCGU e Polícia Federal na UFPR identificam “doutores” que abandonam função pública pela qual recebem, enquanto atendem em suas clínicas particularesA partir de auditoria da...
 
 
Mesmo enfrentando maior crise de sua história, PT tem aumento no número de filiados (Ricardo Stuckert/ Instituto Lula) Mesmo em meio à maior crise de seus 35 anos existência, assolado por denúncias de corrupção e desvios na Petrobras...
 
 
OS EXCLUÍDOS E O DIREITO PENAL SUBTERRÂNEO * Marcelo Eduardo Freitas O conceito de exclusão social é relativamente recente e teve como berço a Europa, onde experimentou o seu maior desenvolvimento. A gênese mais contemporânea do termo...
 
 
Um olho no gato, outro no peixe *Felipe Caires O ditado popular recomenda atenção e aplica-se como mão à luva ao atual cenário na luta contra a corrupção. Necessários então dois alertas ao leitor preocupado com a roubalheira, não a...
 
 
Pós-graduação da Unimontes discute Estado Mínimo e Democracia *Núbia Primo  O programa de Pós-graduação, Mestrado e Doutorado, em Desenvolvimento Social da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), através do seu corpo...
 
 
PT de Montes Claros reage à indicação de Patrícia Afonso O Partido dos Trabalhadores de Montes Claros ainda não conseguiu emplacar praticamente nenhum nome no Governo Pimentel. A única exceção até o momento é Sued Botelho,...
 
 
Aécio é “frouxo” e “traidor”, dizem membros do MBL chateados com o recuo no impeachment   Do Facebook do Movimento Brasil Livre "Se fôssemos depender do Aécio e do PSDB, ficaríamos em casa assistindo do sofá o PT destruir...
 
 
Senadores mineiros têm atuação ainda tímida Com quatro meses de atividade legislativa no Senado, os representantes de Minas na Casa demonstram rendimentos e atuações ainda tímidas. Um dos três senadores a não votarem na sessão que...
 
 
Após confusão, debate sobre violência nas redes é encerrado na Assembleia Correio do Povo, Um evento organizado para lançar a Frente Parlamentar gaúcha contra a violência na Internet e pelo Humaniza Redes por pouco não terminou em...
 
 
STF adia, a pedido do governador Pimentel, a demissão dos efetivados sem concurso O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quarta-feira (20) prorrogar até o fim de dezembro a permanência dos 59 mil servidores da educação afetados pela...
 
 
Prefeito corre o risco de ficar sem nenhum grande partido para disputar sua reeleição O sonho do prefeito de Montes Claros, Ruy Muniz, de disputar sua reeleição com a mesma chapa de 2012, e com o apoio do PSDB e DEM, começa a virar pesadelo....
 
 
Revista Tuia doa exemplares para o acervo bibliotecário da Unimontes Andrey Librelon (Ascom Unimontes) Editores da Revista Tuia repassaram oficialmente ao Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade Estadual de Montes Claros, em caráter...
 
        
 
Calote na merenda

Alunos ficam sem merenda por causa de falta de gás em Montes Claros
Problema está ocorrendo na Escola Municipal Vidinha Pires. Alunos do 'Tempo Integral' estão sendo prejudicados, dizem pais.

Do G1 Grande Minas
Pais de alunos matriculados no "Programa Tempo Integral" da Escola Municipal Vidinha Pires, em Montes Claros (MG), reclamam que os filhos não estão tendo aulas porque a instituição não está fornecendo a merenda. O problema está sendo causado por falta de gás.
"Na sexta me ligaram e disseram q...

Quarta na Pós

Pós-graduação da Unimontes discute Estado Mínimo e Democracia


*Núbia Primo 

O programa de Pós-graduação, Mestrado e Doutorado, em Desenvolvimento Social da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), através do seu corpo docente e discente realizam a cada quinze dias uma atividade denominada, “Quarta na Pós”. O objetivo é proporcionar o intercâmbio entre a comunidade acadêmica, sociedade civil e instituições governamentais, debatendo temas relacionados às linhas de pesquisas do progra...

Luis Nassif

A ameaça à liberdade de imprensa

Doutrinariamente, a imprensa é vista como o instrumento de defesa da sociedade contra os esbirros do poder, seja ele o Executivo, outro poder institucional ou econômico.

Não se exija dos grupos de mídia a isenção. Desde os primórdios da democracia são grupos empresariais com interesses próprios, com posições políticas nítidas, explícitas ou sub-reptícias.

***

Tome-se o caso brasileiro. É óbvio que os grupos de mídia têm lado. Denunciam o lado contrário e poupam os al...

 38ª Expomontes

38ª Expomontes

Tudo pronto para a maior festa agropecuária do interior de...

 Água doce

Água doce

Dessalinizadores para socorrer flagelados da seca Os flagelados da seca do...

 Água para Todos

Água para Todos

Programa de acesso à água atende 1 milhão de pessoas...

 Barragem de Juramento

Barragem de Juramento

Barragem da Copasa em Juramento fecha período de chuvas com...

Mais segurança

Plantão regionalizado da Polícia Civil volta a ser debatido

O plantão regionalizado da Polícia Civil e seus reflexos na rotina dos policiais será debatido pela Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) nesta terça-feira (10/3/15). Desde o ano passado, deputados da comissão têm acompanhado o modelo, que faz com que os policiais tenham que percorrer grandes distâncias para registrar boletins de ocorrência e transferir presos para as cidades onde funcionam as delegacias de plantão regionalizado. A reunião está marcada para as 9 horas, no Plenarinho I, e foi solicitada pelo deputado Sargento Rodrigues (PDT).

Em seu requerimento, o parlamentar lembra que a Resolução Conjunta 184, de 2014 - assinada por Secretaria de Estado de Defesa Social, Tribunal de Justiça, Corregedoria Geral de Justiça, Procuradoria Geral de Justiça, Defensoria Pública, Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros - instituiu a Delegacia Virtual, cujo objetivo, segundo Rodrigues, seria “facilitar e diminuir em até 95% os deslocamentos” feitos pelos policiais militares no encaminhamento dos envolvidos em crimes às delegacias de plantão.

Conforme especifica essa resolução, o procedimento aplica-se às infrações penais ocorridas nos municípios que não contam com delegados de polícia ou que não sejam sede de delegacia de plantão - nos horários compreendidos entre 18h30 e 8h30, bem como nos finais de semana e feriados – e que necessitem de um considerável deslocamento ao município onde funciona o plantão da Polícia Civil.

A resolução ainda prevê que as unidades de plantão das instituições de segurança pública deverão estar providas de aparatos tecnológicos que possibilitem a realização de videoconferências para o estabelecimento de comunicação em tempo real. As medidas permitem, por exemplo, que os interrogatórios sejam feitos a distância por meio de videoconferência e os relatórios sejam preenchidos sem a necessidade da presença física do policial militar.

Na avaliação do deputado Sargento Rodrigues, os deslocamentos a que os policias ficam submetidos expõem esses servidores a excessivas jornada de trabalho, aumentando o risco de acidentes nas estradas, além de prejudicarem a segurança de alguns municípios, que ficam desfalcados quando os policiais devem registar ocorrência em outra cidade.

Em reunião realizada em julho do ano passado com representantes da área de segurança pública, o deputado também apontou outros problemas na implementação do plantão regionalizado virtual, como a necessidade de adaptação dos aparatos tecnológicos utilizados e a melhoria do tratamento recebido pela PM nas delegacias. “Esses problemas estão se arrastando há muito tempo, e peço que encontremos uma solução para eles”, cobrou na ocasião.

Na mesma reunião, a representante da Secretaria de Defesa Social disse que o plantão virtual já funciona em mais de 100 cidades, que são atendidas, em caso de necessidade do registro presencial da ocorrência, pelos municípios de Muriaé, Governador Valadares, Ubá e Guanhães, onde funciona o plantão regionalizado. Os deputados também foram informados de que havia a expectativa de expansão dos plantões para Ipatinga, Montes Claros e Teófilo Otoni.

Convidados - Foram convidados para a audiência o deputado federal Subtenente Gonzaga (PDT-MG); o secretário de Estado de Defesa Social, Bernardo Santana de Vasconcellos; o procurador-geral de Justiça, Carlos Andre Mariani Bittencourt; o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Badaró Bianchini; o chefe da Polícia Civil, Wanderson Gomes da Silva; o vereador de Belo Horizonte Coronel Piccininini; o presidente da Associação dos Oficiais, tenente-coronel Márcio Ronaldo de Assis; o presidente da Associação dos Praças, 3º-sargento Marco Antônio Bahia Silva; e o presidente do Centro Social dos Cabos e Soldados, cabo Álvaro Rodrigues Coelho.

===========================================================

Usuários Online

Temos 224 visitantes e Nenhum membro online